segunda-feira, novembro 28, 2011

Curar chagas de caracter social!



Há coisas importantes a resolver pelo mundo. Reconhecer mundialmente este problema que afecta tantos portugueses foi um passo importante em direcção à sua resolução.

Muito importante.

sábado, novembro 26, 2011

sexta-feira, novembro 25, 2011

Atenção ao incauto

Hoje entrou alguém no Pastelinho com a seguinte procura de palavras "Miguel Bordalo assassinado". Ainda não meu amigo. Ainda não.

quinta-feira, novembro 24, 2011

Ghost Dog



Sou muito fã do Ghost Dog - The way of the samurai. A mistura de culturas, o valor da lealdade, o poder da escolha e a força da dívida. Tudo misturado num filme exímio, um dos meus filmes favoritas de todos os tempos.

É que cheguei ao King, e entrei no cinema a pensar que seria estranho ver um filme de acção, e saí de lá derreado. Como é que em pouco mais de 116 minutos, que parecem muito menos se consegue dizer tanta coisa, e se consegue fazer sentir outra tanta.

The Ghost Dog - RESPECT

quarta-feira, novembro 23, 2011

cães



É certamente um dos melhores videos que vi nos últimos tempos. Sou muito fã de cães. Devia arranjar mais tempo para os meus.

segunda-feira, novembro 21, 2011

Que tipo de homem eu sou?

Pois aqui vai, com várias bocas a cairem no saco, directo e sem possibilidade de resposta. (link)

Primeiro é a fase “Homem das Cavernas”. Beleza é coisa de “gaja”. Homem que é homem tem um sabão azul que tanto serve para lavar tapetes de Arraiolos como o cabelo. Não se atreve a comer nada que seja “light” ou “0%”. Faz a barba a seco com uma catana, prefere apanhar uma queimadura em 2º grau do que pôr protector na praia e uma massagem é só a parte aborrecida antes do “happy ending”. São homens, daqueles de verdade e à antiga.

Eu sou um pouco isto, tirando a catana, mas só porque não dá jeito, e quanto a massagens. Bom eu gosto de tratar bem uma mulher, antes e depois do "happy ending".

Mas depois evoluem ligeiramente. Já compram champô, trocam de vez em quando a cerveja por vinho e a entremeada por peixe e têm uma lâmina de barbear, ainda que descartável e que, milagrosamente, dura meses e meses… Este é o homem do século XXI: asseado q.b. com aquele ar desmazelado e descontraído que até tem o seu charme.

Não ao vinho. Sim, dura mesmo meses e meses. Sem charme. E sem gel, que o tipo descrito nesta fase tem gel.

Os outros dois mais a baixo não são comigo.

domingo, novembro 20, 2011

O meu facebook XII



COstumo-me rir com Stand Up Comedy, o Conan tem sempre bons convidados. Mas este foi qualquer coisa de anormal de cómico. De chorar...

sexta-feira, novembro 18, 2011

Os ventos da mudança



Não os sinto, eles já sopram nas minhas costas há algum tempo e eu não lhes ligava. Tudo me empurra para a mudança, alterar coisas que tinha como certas.

Normalmente um tipo adverso à mudança é forçado à mudança pelas circunstâncias. Desta vez sou eu quem vai forçar aquela liga de aço tão dura que é a minha resistência à alteração das coisas que se passam na minha vida.

Ainda durou alguns anos a minha negação à mudança. Foi bom enquanto durou.

Repetindo-me acho...



Já é tanta música que eu não sei se me repito ou não... Se me repetir também. Olha. É o que é. Por vezes faz parte na vida repetirmo-nos.

Uma coisa é certa. Por vezes sabe bem a prespectiva de fazermos algo totalmente nova. É assim. Estou como estou.

quarta-feira, novembro 16, 2011

Os meus anos 90



Esta música lembra-me uma boa época dos meus anos 90. Provavelmente porque há ali qualquer coisa no baixo que me faz lembrar os Morphine. A Burbon Princess não precisa de ficar associada àquela banda que terminou, mais ou menos eu sei, terminou só para mim... de forma algo trágica.

Gosto de ouvir a Bourbon Princess de vez em quando. Aí isso gosto.

segunda-feira, novembro 14, 2011

2001


Devia ser um post dedicado à evolução dos homens, e à relação que nós temos com a ciência e com as máquinas. Mas fica um vídeo a mostrar porque é que o John Stewart é genial. Porque mostra tudo nos moldes que devem ser mostrados. Porque a humanidade não sabe lidar com a sua própria humanidade. Espero que ainda.

É triste



Festejar o post número 2000 no Pastelinho com uma referência a um dos piores personagens da televisão portuguesa, e um tipo que tenho de aturar todos os domingos no estádio da Luz... Insuportável! Não podia ser sportinguista o gajo? Não podia ser portista?

Mas como é uma sátira hilariante, o post 2000 não está assim tão mal representado.

sábado, novembro 12, 2011

O meu facebook XI



Porque o meu facebook também é feito dos meus amigos. A Maria é uma amiga especial no Pastelinho, porque a nossa amizade começou aqui. É bom ter um blogue. É bom ter-te ao meu lado Maria.

Ela hoje está lamechas, estou a sacar uma lágrima. Má onda...

Sound Cloud em repeat Murmurations

Murmuration by Nomad Soul Collective

7/8 (Murmuration) Original by Nomad Soul Collective

Estou ainda a tentar compreender qual dos dois gosto mais, se o segundo tem mais elementos, o primeiro tem os espaços sonoros mais afastados, os momentos de silêncio e os momentos musicais fortes muito separados o que dá uma viração mais épica ao tema.

Eu ainda não entendi bem quem eles são, descobri o tema, parece que são um grupo que fez três temas, este, genial, e outros dois sofríveis. Pode ser que haja aqui alguma coisa de especial ainda assim. Vou investigando.

Para estar atento a: Nomad Soul Colective.

sexta-feira, novembro 11, 2011

Massivo

3D & VERMONA DEMO by Euan Me

Ainda não ouvi. Ouçam primeiro e digam-me qualquer coisa. Falta de tempo.

O meu facebook X



As coisas que uma pessoa descobre às metades no facebook e depois tem de as ir descobrir inteiras. Esta música hoje fez-me bem. E fará com certeza num futuro próximo também.

Hoje é dia de Pinguim



Parece que vem aí um novo disco deles. Devia ser mais atento ao trabalho deles. São tão apetecíveis...

Talk Radio



O filme que mais lutei para ter na minha vida, está agora, com mais sentido do que nunca orgulhosamente sentado na minha prateleira. Que diga-se, já está pequena demais para os filmes que tenho. Uma tragédia.

E porque é que está com mais orgulho do que alguma vez esteve? Simples. É um de cinco filmes de que possuo duas cópias. Dois deles porque tenho outras cópias para oferecer quando chegar a altura, o "Lord of War" e o "Bem-vindo ao norte". Outros dois porque entretanto o primeiro dvd se estragou e arranjei um de substituição, "Comunidade", "Inadaptado" e há um terceiro, lembrei-me agora "Carlitos Way", portanto há mais um as contas do início estão erradas, eu não vou alterá-las.

O sexto! O sexto é um dos filmes mais importantes da minha vida, mostrou-me bem como é que a comédia, a sátira e o confronto podem tornar-se algo completamente uno. O filme mostra-me uma tonelada de coisas, acho que já o vi uma tonelada de vezes. E porque é que ele faz mais sentido do que nunca. Porque tem duas cópias muito especiais, a minha primeira experiência a comprar merdas na Amazon, que corre mais mal do que bem na maior parte das vezes, porque se pede sempre um dvd que vem dos EUA. Assim tenho ali um dvd inútil, não porque esteja estragado, e também não o posso oferecer, inútil até há uns tempos, em que me parece ser agora possível usá-lo... a ver...

A música que aparece no início deste post fecha o filme, dando uma sonoridade muito própria àquele filme incrível do Oliver Stone. Sobre este filme falarei mais tarde, depois de o ver novamente, se conseguir na próxima semana.

11.11.11



O mundo não vai terminar, ainda preciso de ter algum tempo para jogar a isto. Para além de muitas outras coisas. Que neste momento vivo um pouco no futuro...

quinta-feira, novembro 10, 2011

Certamente



Não sei que diga. Ando com um caso estranho de inexplicavel estado sentimental. Novidade para mim, certamente.

quarta-feira, novembro 09, 2011

Bill Clinton


Façam atenção à última parte da notícia. O Clinton sempre foi um tipo inteligente. Não se pode sair de uma crise de dívida com austeridade. Mas ninguém parece entender isso.

terça-feira, novembro 08, 2011

Directamente de Marrocos



Como foi uma música uma vez cantada pela Billie Holiday, tenho sempre dificuldades em adorar, mas porra, esta semana vou ter oportunidade de gostar de muitas outras coisas da Hindi Zahra.

Ok, depois de ouvirmos esta versão duas ou três vezes faz-nos esquecer um pouco que a Billie Holiday, o que é o maior elogio que eu posso fazer à marroquina...

Que cantora incrível...

segunda-feira, novembro 07, 2011

Estilo



Muito estilo.



E hoje estas músicas ,apesar da música duvidosa que estive a ouvir durante a noite de hoje não me saiam da cabeça.

domingo, novembro 06, 2011

Repetindo-me

Epá Miguel, não gostas de viajar? Epá... nem por isso. Acho que devias ir viajar, fazer um cruzeiro pelas Caraíbas, conhecer aquilo tudo.

Um cruzeiro?



Eu até ia, mas só se soubesse que isto ia definitivamente acontecer.

sábado, novembro 05, 2011

As coisas que nos pesam



Prometo ser esta a última música co Liam que eu aqui ponho...

O frio a sério



Gosto do frio. Aquele frio que se sente nos ossos. Gosto de ter roupa pesada para me aliviar desse frio. Gosto que os meus olhos gelem, e eu só me apreceba disso ao fechá-los. As minhas mãos fervem e cola-las ao meu rosto frio é também algo que me apraz.

E enfim. Gosto disto tudo e só penso em calor.

quinta-feira, novembro 03, 2011

Para a D



Já o conhecia. Mas não lhe tinha prestado a devida atenção. É realmente qualquer coisa...

...

Pelos dias que passam



Aos momentos que ficam.

Um brinde!

Está a chover



São as chuvas de Novembro a caírem-me na pele, ou os quentes ventos do equador com fragrâncias de mel. As chuvas que reconheço, os ventos que cobiço. A minha pele molhada, o frio que a flagela, ou a minha pele queimada e o quente que a debela.

Decisões decisões...

E se a chuva gostar de me cair em cima, e calor não quiser uma rima minha?

quarta-feira, novembro 02, 2011

Aí Lisboa...



Hoje descobri que há coisas que eu não controlo e outras que tenho de descobrir para as controlar. Também descobri que há frases como a anterior que são uma merda tão grande de escrever como de ler. Há certamente merdas que nunca nos deviam sair da cabeça.

Estou numa de descobrir...

Ora aí está


Hoje disseram-me que sou parecido com este gajo, um membro da banda Crystal Castels. Pronto. Mais uma maneira de me identificarem quando na rua. A versão Emo, disseram-me. Eu não sei o que é Emo, mas tudo bem. Realmente há qualquer coisa ali.

terça-feira, novembro 01, 2011

Nem Beirut





Me consegue levantar o espírito hoje... a minha confiança está a esvair-se em correntes de pensamento. Para onde estão a ir? Não sei...
Site Meter